14 Novembro 2017 - 09:35

Acusado de assassinato cometido há quase 20 anos é condenado a prisão em Penedo

Divulgação
Valmir Lopes de Lima foi julgado nesta segunda (13) em Penedo

O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Penedo condenou, nesta segunda (13), Valmir Lopes de Lima a 6 anos de reclusão pela morte de Antenor Macedo da Rocha, ocorrida há quase 20 anos.

Os jurados acataram a tese do Ministério Público e condenaram o réu por homicídio simples. Valmir deverá iniciar o cumprimento da pena privativa de liberdade anteriormente dosada no regime semiaberto.

“Como se vê, o réu agiu de forma consciente e premeditada, mas não revela possuir maus antecedentes, sendo possuidor de boa conduta social. O comportamento da vítima influenciou à prática do delito” afirmou o juiz Antônio Rafael Wanderley Casado da Silva, que conduziu o júri popular.

O caso

De acordo com os autos, o crime, registrado no dia 19 de setembro de 1998 no povoado Peixoto, zona rural de Penedo, teria acontecido após uma discussão. Durante a confusão Antenor puxou a arma que estava na cintura, mas diante da luta corporal entre a dupla, o revolver caiu no chão. Valmir Lopes então pegou a arma e disparou contra a vítima, que morreu no local antes mesmo de receber atendimento médico. Valmir contou que adotou tal conduta para se defender.

por Redação

Comentários comentar agora ❯